Como dar feedback?

Feedback – como dar do jeito certo.

Como dar feedback?

Feedback é mais uma destas palavras inglesas da moda no mundo corporativo. Mas a sua importância não se restringe ao modismo, pois o feedback quando bem aplicado e bem recebido pode atingir resultados surpreendentes.

Por isso Majtec – Seu espaço está apresentando mais esta série de artigos esclarecedores para os profissionais.

A série tem planejados pelo menos 3 artigos:

 

  1. Feedback – o que é e como ele ajuda no seu crescimento profissional ?
  2. Feedback – Como dar da maneira certa.
  3. Feedback – Como receber e crescer.

Este segundo artigo irá mostrar como dar feedback do jeito mais adequado, para que o mesmo surta os melhores resultados.

Veja também os artigos:

Como dar feedback

Como já dissemos no artigo anterior,  “O feedback é essencial para o crescimento pessoal e profissional. É através do feedback bem aplicado que sabemos como as nossas ações são percebidas pelos outros, como eles pensam, o que eles sentem em relação nós e nossas  atitudes, em que estão satisfeitos ou insatisfeitos conosco”.

Portanto, é responsabilidade daquele que dá o feedback saber fazê-lo de forma a que estes objetivos sejam cumpridos,  pois o feedback deve favorecer a reflexão por quem recebe  e o levar a mudanças positivas de comportamento. O feedback  nunca deve ser usado por quem dá como um meio de intimidação,  para humilhar, punir, muito menos  como uma forma de desabafar rancores  ou resolver diferenças pessoais.

Por outro lado o brasileiro não costuma,  por razões culturais,  estar disposto a dar e muito menos receber feedback.  Sendo este o contexto,  deve-se criar uma cultura de feedback nas corporações, criando-se programas organizados para que ele seja fomentado e facilitado e seus objetivos alcançados.

Sendo assim, o indivíduo que neste processo tem a função de dar o feedback deve:

  1. Buscar fazer a avaliação de desempenho continuamente, e não somente pouco antes do encontro, para que o feedback seja efetivo e baseado nas atitudes da pessoa avaliada em um período e contexto mais amplo
  2. Quem dá feedback deve preparar-se para isso. Deve ter anotado previamente todos os pontos e fatos a serem citados
  3. Ao  dar o feedback, fazê-lo de maneira formal mas assertiva, em uma reunião individual e previamente marcada, reservando para isso, pelo menos, uma hora.
  4. Sempre deve-se abrir a conversa de feedback com os pontos fortes, detalhando o lado positivo do profissional, qualidades e boas competências.
  5. A pessoa sob feedback tem pontos a serem desenvolvidos. Ao expor os pontos a serem desenvolvidos, deve-se  usar de franqueza, mas ao mesmo tempo preservar a dignidade do indivíduo.
  6. O feedback deve ser descritivo, específico, baseado em fatos e sem julgamentos pois adotar esta abordagem  facilita a aceitação do feedback e evita reações defensivas.
  7. Para ser eficiente, o feedback tem que ser direcionado a pontos em que a pessoa tenha possibilidade de aperfeiçoar.  O objetivo do feedback é ajudar a mesma a mudar sua conduta para melhor e desenvolver potencialidades. Características pessoais, idiossincrasias e outras manifestações individuais não devem ser alvo de feedback, mas toleradas como próprias daquele indivíduo.

É essencial  que quem está dando o feedback seja franco, assertivo e direto, embora deva tomar cuidado para não acusar, julgar ou constranger,  sempre citando fatos e situações específicas em que os problemas citados foram observados e que se ponha a disposição do mesmo para ajudar em sua melhora.

Conclusão

“A forma mais eficiente de orientar é observando a ação do outro e dar o feedback específico. O feedback deve destacar exemplos de comportamento e desempenho que são ideais ou que precisam ser mudados.”    Wilson Mileris 

É claro que não é fácil dar feedback num país com uma cultura como a nossa, em que as pessoas encaram críticas com tanta desconfiança e tendem interpretá-las como ameaças.

Mas o feedback é uma oportunidade excelente de melhorar as equipes,  desenvolver as competências dos profissionais e melhorar o clima nas organizações.

Por isso, seja generoso e dê feedback.

Fonte:

  1. http://www.administradores.com.br/informe-se/producao-academica/feedback/2878/
  2. http://www.attender.com.br/publico/dicas/comun-feedback.htm
  3. http://carreiras.empregos.com.br/carreira/administracao/comportamento/030809-como+dar+e+receber+feedback.shtm
  4. http://carreiras.empregos.com.br/carreira/administracao/comportamento/180705-acoes_lider.shtm
  5. http://carreiras.empregos.com.br/resultado.shtm?cx=partner-pub-8046040698918070%3Al9map7c90t9&cof=FORID%3A10&ie=ISO-8859-1&q=feedback&sa=Pesquisar
  6. http://www.catho.com.br/carreira-sucesso/?s=feedback
  7. http://www.leilanavarro.com.br/palestrante_testes.php?teste=assertivo

Crédito das fotos:

  1. mid-adult man meeting with agent or advisor by: alexraths

GOSTOU DESTE ARTIGO? AJUDE-ME POR COMPARTILHÁ-LO!

Espero sinceramente que este  artigo seja útil para que você  aprenda como dar feedback  por aplicar imediatamente as técnicas aprendidas neste artigos.

Se você gostou destes artigos, porque não me ajuda ao compartilhá-lo com seus amigos, familiares e colegas de trabalho através do Twitter, Facebook e Google +1? Para isso, basta usar os botões sociais que temos na lateral esquerda  ou no fundo do artigo  para compartilhar com os seus amigos, familiares e conhecidos. É muito simples e não te custa nada.

Também poderá ajudar mais ainda comentando este artigo, deixando suas impressões, suas experiências ao dar feedback e que técnicas costuma usar durante o feedback, críticas construtivas (não sou perfeito e estou disposto a aprender com você) e sugestões para melhorar o nosso site. Se desejar, também poderá Assinar o  Site e receber as nossas atualizações por e-mail. Muito obrigado e volte sempre para conferir as novidades!


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/majtec/www/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273